» » Você está cansado de tentar ser feliz?

Você está cansado de tentar ser feliz?

postado em: Artigos | 0

Você está cansado de tentar ser feliz?

“Você nunca será feliz se continuar procurando a razão da felicidade. Você nunca viverá se estiver procurando o sentido da vida”.
(Albert Camus)

Você alguma vez já pensou: “Eu serei feliz quando _________________.” (Preencha o espaço em branco com o seu sonho).

É claro que já pensou. Você, eu e todo o resto do mundo. É fácil cair nessa armadilha da felicidade futura em vez de viver o presente.

Eu caí nessa armadilha recentemente. A armadilha de me focar em todas as coisas que eu quero, mas ainda não tenho.

Tem tanta coisa que eu quero realizar, tantos sonhos e desejos que estão em processo de criação. Estou empolgado com todos esses desejos na minha vida, mas eles também podem ser uma barreira para a felicidade.

Não me entenda mal. Não estou sugerindo em hipótese alguma que se esforçar para conquistar mais coisas e melhorar sua vida seja algo ruim.

Estou apenas enviando um lembrete (para mim mesmo, também) de que o hoje contém tanta alegria e felicidade quanto qualquer coisa que você espera no futuro.

Entender isso corretamente pode tornar seus momentos atuais muito mais divertidos e, ao olhar para trás daqui a 10 anos, você verá que não desperdiçou seu tempo com bobagens ou se sacrificou demais a troco de nada.

Se nossa felicidade está no futuro, então estamos mantendo nossa felicidade como refém

De acordo com o escritor americano Daniel Gilbert, que já publicou livros sobre a busca pela felicidade, a maioria das pessoas nem mesmo sabe realmente o que terá o maior impacto em sua felicidade. O que achamos que nos fará felizes pode não se mostrar uma verdade.

Tenho certeza de que você conhece alguém que conseguiu o que queria, mas continua miseravelmente infeliz. Ou alguém que não tem quase nada, mas parece transbordar de alegria.

“É sempre melhor estar no começo da escada que você quer subir do que no topo da que você não quer”.
(Desconhecido)

Metas, objetivos, planejamento e ações são atitudes excelentes. Mas quando tornamos nossa felicidade dependente dessas coisas é que a vida se torna uma jaula.

Atingir o sucesso financeiro ou conquistar a carreira desejada não lhe dá garantia alguma de que você será feliz. Não existe uma ‘fórmula mágica’ da felicidade. Isto não quer dizer que ter mais dinheiro lhe fará infeliz. Ao contrário, o dinheiro proporciona conforto e tranquilidade (e os problemas causados pela falta dele não podem ser supridos por nenhuma outra coisa). Mas o dinheiro pelo dinheiro, o sucesso pelo sucesso, a fama pela fama, estas metas sem objetivos definidos podem ser catastróficas.

Nós podemos ser tão felizes quanto nos propusermos a ser. Isso porque a felicidade é momentânea. A felicidade como um todo não existe, o que existe são momentos felizes. Ela não é definitiva nem está atrelada aos objetivos que você espera conquistar algum dia.

A felicidade vem de se viver o presente, estar engajado e absorvido pelo que está fazendo no momento.

Uma vida plena, rica e significativa é o resultado de se viver momento em momento. Encontre algo neste momento para apreciar. Respire fundo e experimente a sensação de estar presente – ou simplesmente estar vivo, vibrantemente vivo.

Quando está viajando, você não quer ficar olhando o mapa o tempo todo. Você quer apreciar a viagem. O mapa ou objetivo são úteis, mas depois de vistos, devem ser deixados de lado para se apreciar o caminho.

Não tem problema checar o mapa de vez em quando, mas não se esqueça de tornar cada dia uma obra de arte no processo. Faça de hoje o dia em que você experimentará a vida em sua plenitude.

O único momento que você tem para tirar o melhor da vida é agora. E ele pode ser o último (desculpe, mas às vezes é preciso colocar as coisas dessa forma para dar uma chacoalhada nas suas ideias).

Nós podemos decidir ser felizes quando nos propomos a fazer da felicidade a prioridade em vez de algo secundário na situação em que estamos. Escolha ser feliz hoje.

Coloque de lado sua lista de objetivos e tarefas a fazer por apenas um dia e torne prioridade fazer alguma coisa que você ame.

Assuma o compromisso de apreciar a vida e escolha ser feliz agora.

O que você acha? Felicidade é uma escolha? Você consegue ser feliz em cada momento? Deixe sua opinião nos comentários.

Veja mais dicas bacanas aqui:

Comente pelo Facebook

comentários

Seguir Emílio Calil:

Editor, Consultor e Palestrante

Jornalista, designer e consultor com mais de 15 anos de experiência em diversos ambientes de trabalho – de agências de propaganda a multinacionais como a Microsoft. Acredita que as pessoas devem fazer o que amam para serem felizes e produtivas, e para isso oferece métodos e projetos que ajudam tanto empresas quanto pessoas. Apaixonado por tecnologia, games e pela cidade de Gramado.
www.emiliocalil.com | emilio@lifebreak.com.br

Participe deste assunto! Deixe seu comentário abaixo: