» » Seis perguntas que você precisa fazer para ter um dia melhor

Seis perguntas que você precisa fazer para ter um dia melhor

postado em: Artigos | 1

Seis perguntas que você precisa fazer para ter um dia melhor

Todos os dias temos tantos compromissos que muitas vezes seguimos nossa vida como se estivéssemos no piloto automático, sem pensar ou refletir sobre nada, apenas executando as tarefas diárias.

Ao longo de cada dia cheio, é importante fazer algumas perguntas para ter a certeza que está trabalhando de uma maneira produtiva. As respostas das perguntas abaixo poderão ajudá-lo a verificar se está focado e realizando as tarefas da melhor maneira possível para ter um dia melhor.

Por que estou aqui?

Esta não é uma grande questão existencial, abstrata. Eu me refiro ao sentido prático. O que me trouxe para o lugar que estou hoje? Sou motivado?

Há muitos fatores de motivação: dinheiro, pessoas, realização e diversão, todos são capazes de motivar para realizar um trabalho duro. Mantendo estes motivadores no seu cérebro, a cada conclusão de uma tarefa você poderá sorrir e terá uma satisfação de realização.

Que mais posso fazer?

Esta pergunta pode parecer estranha quando você já está com muitas coisas para fazer. Mas a questão é você identificar se não há algo que ainda pode ser feito para te ajudar no dia-a-dia.

Veja se não está faltando algo que possa fazer você ter mais sucesso em seus projetos.

Talvez haja questões que têm ignorado em que é necessária a atenção para que possa ter um impacto positivo.

O que posso deixar ir?

Quando as coisas estão se movendo rapidamente, as prioridades podem mudar em um dia ou mesmo em um instante. É importante reavaliar e certificar-se de que suas tarefas são as certas para você.

Algumas tarefas que já foram de extrema prioridade antes podem não ser mais agora. Ou outras pessoas da equipe podem, de forma mais eficiente, realizá-las.

O importante é que perceba que a qualquer momento é possível remover tarefas para liberar tempo e energia naquilo que realmente será produtivo. Liberando todos os pensamentos e sentimentos improdutivos abrem-se caminho para um melhor fluxo de energia mental.

Como eu posso ser mais eficiente?

A necessidade é a mãe da invenção e, muitas vezes, quando estamos muito ocupados é que são criadas as melhores soluções para realizar as tarefas. É importante não ter “dó” ao ter que fazer mudanças para encontrar uma maneira melhor e mais ágil de realizar algo.

A quem devo agradecer?

Sempre é bom elogiar as pessoas dedicadas e talentosas que estão ao seu redor e que fazem um grande trabalho, contribuindo para o seu sucesso. Mas quando a semana está cheia de compromissos ou o dia cheio de tarefas, às vezes esquecemos de dizer-lhes o quanto somos gratos por toda a contribuição.

Portanto, deve-se ter atenção quanto a isto e priorizar fazê-los se sentir apreciado por seus esforços, não importa se eles trabalham diretamente com você ou são apenas parceiros.

Como devo começar amanhã?

Cada dia traz seus próprios desafios e pensar muito no futuro pode fazer com que você se esqueça dos dias atuais. Mas um pouco de planejamento do futuro permite ser mais produtivo e ter também mais paz em sua mente.

Sendo assim, no final do dia faça a lista de afazeres para o dia seguinte, para que possa liberar sua mente e ter uma boa noite de sono.

Veja mais dicas bacanas aqui:

Comente pelo Facebook

comentários

Seguir Aline Guedes:

Consultora e Editora

Formada em Direito pela Universidade São Judas, apaixonada pela vida, por moda, por fotografia e gastronomia funcional. Gosta de lidar com pessoas, buscando extrair sempre o melhor delas. Acredita que a felicidade e a paz interior são os melhores estimulantes da criatividade. Ama incondicionalmente todos os cachorros do mundo.
www.vidacomtempero.com.br | aline@lifebreak.com.br

Uma resposta

  1. Qualifique este comentário: Positivo 1 Negativo 0

    A terceira pergunta é excelente! Quando o dia é difícil, fazer a última antes de dormir ajuda bastante também…

    Gostei do post!

    Beijos

Participe deste assunto! Deixe seu comentário abaixo: