» » A mágica de fazer uma coisa de cada vez

A mágica de fazer uma coisa de cada vez

postado em: Artigos | 0

Como fazer uma coisa de cada vezJá parou pra pensar por que entre 25% e 50% das pessoas se sentem oprimidas ou esgotadas no trabalho? Isso não tem a ver apenas com o número de horas que você passa no trabalho, mas também pelo fato de que passamos muitas horas contínuas fazendo malabarismos com diversas coisas ao mesmo tempo.

O que acabamos perdendo, acima de tudo, foram os pontos de parada, as linhas de chegada e os limites. A tecnologia ofuscou tudo e os tornou irreconhecíveis. Onde quer que você vá, seu trabalho o segue nos dispositivos digitais, às vezes de forma intrusiva. É como aquela picada de inseto que não conseguimos deixar de coçar, mesmo sabendo que coçar vai deixar as coisas piores.

Diga a verdade: Você responde e-mails durante conferece calls (e às vezes durante telefonemas com outras pessoas)? Você leva seu laptop para reuniões e finge que está anotando algo enquanto navega na internet? Você almoça na sua mesa? Você faz ligações ou envia SMS enquanto está dirigindo, mesmo sabendo que não deveria?

Para Tony Schwartz, CEO do The Energy Project, o maior custo de tudo isso – presumindo que você não tenha um colapso – é sua produtividade. Em parte, é uma consequência simples da fragmentação da sua atenção, pois você está parcialmente atento a múltiplas atividades, mas raramente concentrado em apenas uma. De fato, isso acontece porque quando você muda de uma tarefa primária para outra qualquer, está aumentando o tempo que leva para terminar a primeira tarefa em 25%.

A pior parte, entretanto, é que se você está sempre fazendo alguma coisa, está implacavelmente queimando suas reservas de energia ao longo de cada dia, então você tem menos energia disponível a cada hora que passa.

Schwartz diz que consegue produzir duas ou três vezes mais quando se concentra sem interrupções por um determinado período de tempo e, depois, faz uma boa pausa, longe da mesa. A melhor forma de uma empresa obter mais produtividade e mais pensamentos criativos é encorajar fortemente períodos fixos de concentração, bem como pequenos períodos para renovar as energias.

Se você gerencia uma equipe, aqui estão três sugestões de Schwartz que valem ser promovidas:

1 – Mantenha a ordem nas reuniões

Agende reuniões de 45 minutos em vez de uma hora ou mais, assim os participantes se mantêm concentrados, conseguem refletir sobre o que foi discutido e descansam antes do próximo compromisso. Comece as reuniões no horário previsto e termine no horário previsto. Insista para que todos os dispositivos digitais permaneçam desligados durante a reunião.

2 – Pare de demandar ou esperar respostas imediatas o tempo todo

Isso força sua equipe a entrar no modo reativo, fragmenta a atenção e impede que eles se concentrem nas prioridades. Deixe que eles esqueçam os e-mails por um tempo. Se a coisa é urgente, ligue – mas isso não pode acontecer toda hora. Como dizem por aí, “se tudo é prioridade, é porque nada é prioridade”.

3 – Encoraje as pausas de descanso

Crie pelo menos um período durante o dia onde você vai encorajar seu pessoal a parar de trabalhar e fazer uma pausa. Ofereça aulas de ioga ou meditação no meio da tarde, organize caminhadas em grupo ou crie uma sala de descanso onde as pessoas possam relaxar ou mesmo tirar uma rápida soneca. Estipular limites também é uma tarefa individual.

Considere as seguintes atitudes para você mesmo:

1 – Faça a coisa mais importante primeiro, pela manhã, de preferência sem interrupção, por 60 ou 90 minutos, com começo e fim claramente definidos

Se possível, trabalhe em um espaço privado durante esse período ou use fones de ouvidos para isolar distrações. Finalmente, resista a cada impulso de distração, sabendo que você tem uma linha de chegada à frente. Quanto mais absorto no trabalho você conseguir ficar, mais produtivo será. Quando terminar, tire uns minutinhos pra relaxar.

2 – Estabeleça e agende horários regulares para cultivar ideias criativas, estratégicas ou para projetos de longo prazo

Se não fizer isso, irá sucumbir constantemente à ‘tirania da urgência’. Para essa atividade, encontre um ambiente diferente – de preferência, um lugar onde você pode relaxar e deixar a mente correr solta.

3 – Tire férias verdadeiras e em intervalos regulares

‘Verdadeiras’ significa que quando você está de férias, está completamente desconectado do trabalho. E ‘intervalos regulares’ significa várias vezes ao ano, se possível; mesmo que sejam dois ou três dias esticados com o final de semana. Pesquisas indicam que você será muito mais saudável se tiver férias reais; e se tornará mais produtivo no trabalho, também.

Um princípio bem simples se esconde por trás de todas essas sugestões. Quando estiver concentrado no trabalho, concentre-se totalmente (por um período determinado de tempo). Quando estiver relaxando, relaxe de verdade. Faça alternâncias, pare de viver na zona cinzenta.

E você? Possui alguma técnica para aumentar sua produtividade sem causar stress? Compartilhe aqui conosco nos comentários abaixo.

Veja mais dicas bacanas aqui:

Comente pelo Facebook

comentários

Seguir Emílio Calil:

Editor, Consultor e Palestrante

Jornalista, designer e consultor com mais de 15 anos de experiência em diversos ambientes de trabalho – de agências de propaganda a multinacionais como a Microsoft. Acredita que as pessoas devem fazer o que amam para serem felizes e produtivas, e para isso oferece métodos e projetos que ajudam tanto empresas quanto pessoas. Apaixonado por tecnologia, games e pela cidade de Gramado. www.emiliocalil.com | emilio@lifebreak.com.br

Participe deste assunto! Deixe seu comentário abaixo: