» » Conheça 7 formas de ser mais produtivo (de verdade!) em 2014

Conheça 7 formas de ser mais produtivo (de verdade!) em 2014

postado em: Artigos | 0

Veja 7 formas de ser mais produtivoJá reparou que nossas listas de tarefas vão ficando cada vez maiores e nossas distrações estão cada vez mais tecnológicas, mas as horas livres dos nossos dias não estão aumentando?

Bem, altas demandas exigem soluções inovadoras. Se você precisa de estratégias criativas para fazer mais coisas em 2014, abaixo estão sete formas de aumentar e turbinar sua produtividade.

Veja 7 formas de ser mais produtivo em 2014

1 – Crie listas de ações

As listas são os motivadores que documentam e propulsionam sua produtividade pessoal. Sem elas, você estaria coberto de post-its e se perguntando por onde começar. Mas nem todas as listas são criadas da mesma forma. As melhores listas de tarefas incluem priorização, pré-requisitos e suporte, e são precisas e ‘acionáveis’.

Por exemplo, em vez de “criar o site do cliente X”, quebre essa tarefa em outras menores e específicas em suas ações. O primeiro passo pode ser ‘reservar o domínio e hospedagem do site’, depois ‘pesquisar layouts de referência’, etc.

Dividir grandes tarefas em outras menores permite enxergar melhor as ações que precisam ser tomadas mais rapidamente, em vez de ficar imaginando qual o próximo passo.

2 – Pare de ser multitarefas

Sim, é isso mesmo. O profissional ‘multitarefa’ costuma ser visto com bons olhos na cultura corporativa e mesmo na popular, mas essa não é a melhor estratégia para concluir cada uma das tarefas que temos pela frente.

Em vez de tentar trabalhar com três ou quatros projetos simultaneamente e correr o risco de ter um resultado medíocre em todos, direcione sua atenção em uma tarefa por vez. Encarar individualmente cada atividade nos faz perceber oportunidades, enxergar erros e criar alternativas que as ações multitarefas não permitem.

3 – Divida seu dia

Dividir em blocos suas horas de trabalho pode ajudar a criar pequenos itinerários, cada um com seu próprio conjunto de objetivos. Uma divisão bem precisa pode incluir as tarefas para fazer das 07h às 11h, outras das 11h às 15h e assim por diante. Não seja vago na descrições dessas prioridades. Monte listas com base em tarefas que possam realmente ser finalizadas dentro de cada bloco de horas.

4 – Compartilhe suas atividades

Da solitária experiência de dirigir nossos carros aos exercícios que fazemos na academia, a vida moderna está repleta de atividades solitárias onde realizamos uma única tarefa e excluímos todo o resto. Mas nem sempre foi assim.

Há não muito tempo, as linhas que dividiam nossas atividades eram menos definidas. Por exemplo, cuidar do jardim e da horta não era apenas uma atividade para nosso sustento, era uma forma de socializar com vizinhos, fazer exercícios e passar um tempo com os filhos. A vida rural era centralizada em atividades complementares que se mesclavam (sem ser multitarefas).

Devemos usar um olhar crítico em nossas tarefas diárias e repensar essa abordagem. Pense nas atividades que se encaixam naturalmente. Você pode transformar aquela ação solitária em algo mais divertido? Que tal rasgar a carteirinha da academia e sair de bicicleta com a família e amigos? Talvez você possa levar um parente ou vizinho com você quando for à padaria. Todos saem ganhando.

5 – Finalize um grande projeto por mês

Todos nós temos aqueles projetos não tão gloriosos na lista de tarefas e que costumamos ir empurrando com a barriga mês após mês. Limpar a garagem, transformar aquele quarto da bagunça em home office, pintar a casa ou mesmo atualizar o currículo no LinkedIn parecem estar no último lugar da nossa lista de prioridades.

Faça de 2014 o ano em que você completará essas tarefas a cada 30 dias. Escolha um grande projeto no começo de cada mês e finalize-o completamente até o fim desse mês.

Mas seja racional. O mês em que você vai viajar a trabalho não é o mês ideal para montar seu home office, mas pode ser perfeito para atualizar seu currículo e ampliar seu networking.

6 – Livre-se das distrações

Existe uma ironia nos dispositivos eletrônicos que nos cercam. Eles foram criados para tornar nossas vidas mais fáceis e produtivas, mas quase sempre causam o efeito oposto. Smartphones, notificações de e-mail, aplicativos de mensagens como Skype e WhatsApp competem acirradamente para dividir nossa atenção e reduzir nossa eficiência.

Por mais ‘absurdo’ que possa parecer hoje em dia, desligue seu celular e mude o status do seu comunicador para ‘ocupado’. É preciso criar tempo no seu dia para um trabalho sem interrupções. Mesmo uma única hora sem nenhuma distração pode ser altamente produtiva.

7 – Avalie e recompense

Claro, concluir uma tarefa já é uma recompensa, mas isso não significa que não há espaço para algumas regalias aqui e ali. Avaliar o progresso e recompensar o sucesso são peças chave da produtividade. Ao terminar um projeto ou concluir cada item da sua lista de tarefas, recompense a si mesmo com um dia de folga, um almoço num lugar bacana ou um happy hour prolongado.

Aumentar sua produtividade não tem que ser um processo doloroso e ter mais tempo não significa trabalhar de madrugada. Com um planejamento básico, uma estratégia sólida e a motivação que o sucesso traz, você pode se tornar uma fonte de produtividade em 2014.

Faça essa experiência e depois volte aqui para postar seus resultados nos comentários.

Veja mais dicas bacanas aqui:

Comente pelo Facebook

comentários

Seguir Emílio Calil:

Editor, Consultor e Palestrante

Jornalista, designer e consultor com mais de 15 anos de experiência em diversos ambientes de trabalho – de agências de propaganda a multinacionais como a Microsoft. Acredita que as pessoas devem fazer o que amam para serem felizes e produtivas, e para isso oferece métodos e projetos que ajudam tanto empresas quanto pessoas. Apaixonado por tecnologia, games e pela cidade de Gramado. www.emiliocalil.com | emilio@lifebreak.com.br

Participe deste assunto! Deixe seu comentário abaixo: